PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO - 12ª SUBSEÇÃO DE NOVA XAVANTINA

Newsletter


Ir para opção de Cancelamento

Agenda de Eventos

Abril de 2021 | Ver mais
D S T Q Q S S
# # # # 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 #

Notícia | mais notícias

Presidente da Comissão e parlamentar verificam acessibilidade da Arena Pantanal

14/08/2012 13:53 | Pessoas com Deficiência
Foto da Notícia: Presidente da Comissão e parlamentar verificam acessibilidade da Arena Pantanal
    O presidente da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da OAB/MT, Carlinhos Batista Teles, e o deputado estadual Luiz Marinho visitaram o canteiro de obras da Arena Pantanal para verificar as condições de acessibilidade do estádio na última sexta-feira (10 de agosto).
 
    Eles percorreram o setor leste da Arena Pantanal em companhia do engenheiro civil João Paulo Curvo, assessor técnico da Secopa, que detalhou aspectos de acessibilidade já visíveis na fase de obra e outros previstos no projeto. 
img
    
img
    O advogado e o parlamentar, ambos cadeirantes, elogiaram o que viram e Marinho, que é cadeirante, disse que a visita foi satisfatória e superou as expectativas. “Esta obra é modelo de acessibilidade para Cuiabá, pois cumpre uma série de requisitos que atenderão às necessidades das pessoas com deficiência”, explicou Carlinhos Teles. 
 
    “Vimos aqui, ainda em fase de obra, que o estádio atende aos critérios de acessibilidade para os mais variados tipos de deficiência”, destacou Luiz Marinho.
    
Estrutura - Além do estádio, as ruas e calçadas do entorno do novo Verdão respeitarão os critérios de acessibilidade e receberão sinalização adequada para pessoas com deficiência. Os acessos ao interior do estádio, sanitários, rampas de acesso ao campo, tribuna de imprensa, estacionamento, bares e restaurantes serão inclusivos, facilitando a locomoção das pessoas com mobilidade reduzida.         
 
    Todos os 16 elevadores do estádio terão botões em braile e aviso sonoro. Haverá 62 lugares nas arquibancadas para cadeirantes, incluindo assentos para acompanhantes. Há ainda 52 cadeiras para pessoas com mobilidade reduzida e outras 52 para obesos. Os balcões dos bares e restaurantes serão dimensionados para atender pessoas com deficiência, bem como a área Vip, seguindo as normas brasileiras e internacionais de acessibilidade. 
 
Fotos: Ivan Almeida
 
 
Assessoria de Imprensa OAB/MT
(65) 3613-0928
www.twitter.com/oabmt

Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp